: Sobre a Liga e o Instituto da Guerra
Não aconteceu nada com os Invocadores. **Pois eles nunca existiram de verdade**. O jogo é apenas um jogo, a Riot percebeu que transformar todos os campeões (mesmo os que são quase onipotentes como {{champion:136}} ,{{champion:101}} ou entidades como {{champion:203}} ) em simples marionetes limitava **muito** o que eles podiam criar no jogo. Era sempre uma desculpa diferente de porque os campeões entraram pra liga, e era uma mais forçada que a outra (o Jax e o Shaco nem tinham desculpa, era só um "olha! um lugar onde posso bater em todo mundo livremente, vou entrar lá"). Enfim, as batalhas e o Instituto de Guerra **nunca existiram** na nova lore. Não lutamos de verdade, nem sequer alteramos alguma coisa na vida dos nossos queridos campeões. Na verdade, nem sei se existe mesmo uma Summoner's Rift, já que o único objetivo dela existir era pra ocorrerem essas "batalhas". (Só uma curiosidade, o {{champion:136}} foi engando pelo povo do Monte Targon, e virou um escravo a mando do Pantheon e de uma turminha dele lá, então ele é sim "Invocado para lutar em batalhas que decidirão o destino de Runeterra" e essa baboseira toda).
: Não façam do Viktor um vilão barato
Até agora tudo que vimos foi o lado do Jayce da historia. Provavelmente, quando atualizarem a historia do Viktor, vão falar mais sobre os objetivos dele e o que ele tem em mente, explorar mais o aspecto psicológico do personagem. Mas, sério, não quero que ele vire só um "vilãozinho barato", eu até gostava da ideia dele de "Melhorar a Humanidade" com tecnologia (mesmo que os métodos fossem ~~no mínimo~~ questionáveis).
: Campeão em Destaque : Lortie, O Senhor do Multiverso
Chamar o que você fez de "ótimo" é pouco. É algo diferente, exótico até, com um temática ainda não explorada no League. Essa passiva cria uma situação desafiadora, o jogador precisa prestar muita atenção para usa-lá corretamente (pelo que eu entendi, ele vai acabar se matando se não usar direito). Só a Ult que parece meio estranha (não temos nada parecido com isso, nem sei se é possível programar uma coisa assim sem "quebrar" o jogo inteiro), uma hora ou outra ele vai acabar matando os dois times sem querer. Todas as outras habilidades estão de boa, o Q e o W parecem funcionar bem juntos, o E dá ao seu campeão uma mobilidade mais única (um mago não usaria um Dash ou coisa do tipo). Só uma coisa: esse nome está meio "fraco" para uma temática tão poderosa. "O Senhor do Multiverso" mereceria um nome mais impactante, não?
: (FANART) Minha Teoria sobre o Nocturne
Na historia você cita a Sede dos Campos de Justiça, além dos Invocadores e a Liga. Tudo isso não existe mais na nova lore (Nunca existiu na verdade, foi uma ideia completamente abandonada, e os Campeões que tinha relações com a Liga já tiveram, ou vão ter, suas historias completamente atualizadas(isso inclui o Nocturne) ). Você também cita Runeterra, o Vazio, o Universo, a Ilha das Sombras, Oblivion (não faço ideia do que seja isso), e chama eles de "Reinos" e "Dimensões". Na nova historia, a Ilha das Sombras faz parte de Runeterra, o Vazio é uma outra dimensão e esse Oblivion provavelmente deixou de existir. A historia em si não é ruim, mas está um pouco difícil de ler, talvez usando mais pontos e vírgulas fique mais fácil de ler.
: Duelistas
Essa passiva vai obrigar o Master a fazer crítico em **todas as situações, todas as partidas**, pois, mesmo se ele puder usar as outras habilidades normalmente sem crítico, a passiva vai ficar inútil se você não comprar muitos itens de crítico (pra dar 4 ataques críticos seguidos vai precisar de muito, em, só essa ult não dá conta). E o Q do Master só faz ele voltar para o primeiro alvo para que ele tenha controle sobre a habilidade (imagina usar isso em alguém e irar para embaixo de uma torre ou no meio do time inimigo, fica difícil assim né?). E está escrito no seu post: > chances críticos reduzem o Tempo de Recarga de Ataque Alpha em 1 segundo. O que isso quer dizer? Se for acerto crítico puro, então a habilidade fica com Tempo de recarga zerado com muito crítico. Se for ataques críticos, então só reduz se ele comprar itens que dão chance acerto crítico. Das duas formas ele vai precisar de chance de acerto crítico, mas pele menos na ultima ele ficaria mais balanceado. E por ultimo~~ nem perca tempo postando algo sobre o Yasuo, ele é o intocável da Riot, nada pode atingir ele, não importa o quanto você tente~~.
Boobabyy (BR)
: achei maneiro, mas a minha visao sobre um licantropo é diferente, pelo menos é isso q eu acho q ele deveria ser ja q um rework poderia mudar ate a historia do personagem, eu acho q licantropo ou lobisomem deveria ser uma **BESTA SANQUINARIA INCONTROLAVEL Q ENTRA NO COMBATE E NAO SAI E Q SO PARA QUANTO MATA TODO MUNDO OU MORRE** isso se encaixa bem nos assassinos de engage sem save, tipo o rengar q entra na fight com força mas nao tem nada pra sair..... **CHEGA DE CRESPUSCULO COM LOBISOMEM INTELIGENTE, PENSANTE, FOFINHO E OU BONITINHO...** http://criptozoologia.com.br/wp-content/uploads/2014/08/lobisomem.jpg http://digmaansaearth-oficial.weebly.com/uploads/1/2/8/4/12846961/282920207.jpg http://gabrielzavadski.hol.es/wp-content/uploads/2015/04/78839_14007912431.jpg http://3.bp.blogspot.com/-Gho9TrF0RzE/VjPH9J4YUbI/AAAAAAAAAKs/vQlhDMwt-uk/s1600/gian%2B89.jpg esses sim sao lobisomens de vdd **(sei q o ww nao é bem um lobisomem, mas ja q vao mudar a historia dele ele ~~poderia~~ deveria passar a ser um) ** vamos seguir o mito original da licantropia, lobisomem nao pensa, nao sente, so mata e se alimenta, ele mataria seu proprio amor se ela estivesse na sua frente, esse negocio de "superar a maldiçao por amor" é coisa de historia de menina de 13 anos ¬¬ Entao nao, nao gostei desse modelo antigo, lobisomem nao usa armadura, nao pensa, ele destroi tudo e acaba com tudo, é assim q um lobisomem deveria ser e o WW deveria virar um lobisomem :P
Um dos pontos principais do rework do WW, segundo a Riot, é dar pra ele esse sentimento violento e descontrolado. Agora como eles vão fazer isso, eu não tenho ideia. Mas seria bem legal ver o WW se transformando em uma verdadeira máquina de matar.
: Obrigado pelo feedback, mas esse não é o resultado final. Slankum está em uma fase de teste, isso só foi pra ver o que a galera ia achar do meu campeão. A história verdadeira não é essa e a passiva, estamos mudando junto com a ultimate. Obrigado pela observação ^^
Espero que você continue trabalhando nesse projeto. É quase triste ver projetos de campeões abandonados antes mesmo de tomarem forma concreta.
: "Os 3 mosqueteiros"
A lore deles é bem antiga, então não acho que tenha um motivo específico para isso. Na verdade acho que é só pelo fato de os três usarem o medo de seus inimigos contra eles. Se algum dia a Riot atualizar o lore deles, acho que eles vão deixar de ser "amigos".
: (Sugestão de Campeão) - Slankum, o vingador incansável
O kit está até legal, mas essa passiva está muito Broken. Algo como a passiva do Kindred, podendo mudar o alvo, ou uma recompensa mais fraca inicialmente, que se fortalece com o tempo, seria melhor. A ult também está um pouco estranha, se o alcance dela for global (é o que parece na sua explicação), então ele teria o risco de se teletransportar para a base inimiga sem querer. O resto do kit está de boa (quase fraco demais). Quanto a história, é uma ideia legal, mas precisa de mais detalhes para não virar uma cópia da história do Lucian. Bem, no geral é um conceito bom, só precisa ser mais trabalhado.
: Pelo que lutamos??
Essa versão da lore, em que os campeões lutam no Instituto de Guerra, foi abandonada pela Riot. Eles decidiram que era melhor manter os campeões livres dentro de suas próprias historias. Pelo que parece, agora o "League of Legends" é só um jogo mesmo, os campeões não fazem ideia do que nós fazemos. A "liga" não existe mais (na verdade, nunca existiu na nova versão). É melhor assim mesmo, ter que inventar um motivo para todos os campeões terem entrado na liga, limitava muito a historia deles. Se você quer saber mesmo, o mapa de Summoner's Rift é realmente um lugar em Runeterra, mas não acho que aconteçam batalhas mais lá. E respondendo a sua pergunta, não lutamos de verdade. Desculpe desaponta-lo. Mas Noxus, Demacia, Ilhas das Sombras, Águas de Sentina, lutam. E muito. Talvez chegue o dia em que nós possamos interferir na história dos campeões de alguma forma (uma bem diferente de "invocar eles e usa-los de marionetes"), mas até lá somos apenas observadores pacientes.
: [Sugestão de Champion Update] Master Yi, O Espadachim Wuju (Agora com Wuju!)
Ficou bem legal, mas tem um problema. Isso não é um Update do Master Yi, é um champion novo e que usa algo que _parece_ Wujo. A temática do Master Yi é bem simples (um espadachim sério, que retalha rapidamente seus inimigos) e a simplicidade de seu Kit é um reflexo disso. Além do mais, há campeões que precisam mais de uma atualização que ele. A ideia ficou bem legal e funcionaria para um campeão duelista (como Yasuo, Fiora), mas não para o Master Yi. Essa passiva de ataque em área é algo que precisaria de um kit inteiro para funcionar. A habilidade seria tão forte que o resto do kit precisa ser mais fraco para compensar ou tão fraco que o kit precisa ser forte para compensar, além de necessitar de boa sinergia entre as habilidades nos dois casos. É algo que a Riot vai guardar para outro campeão. Não acho que o Master Yi vai receber alguma atualização por um bom tempo, ele está relativamente bem onde está, e mudar algo só iria gerar mais problemas que seriam difíceis de concertar. É melhor manter ele assim por um tempo. Toda essa ideia que você quis passar funcionaria para outro momento, em outro campeão, na situação atual é melhor cuidar de quem precisa mais ~~(Urgot, Azir)~~.
IPatu (BR)
: Alguém poderia me passar a sequencia correta das histórias de Runeterra?
Dá para começar por qualquer uma, não vai dificultar o entendimento da história em si, mas é melhor ler antes as lores de campeões como Ryze, Azir, Mordekaiser, Gangplank, pra ter uma ideia geral dos espaços em que as histórias acontecem, assim como do tempo e das mudanças que ocorreram em Runeterra
Martyris (BR)
: Obrigado, criticas positivas e negativas são sempre muito bem aceitas ^^ Quanto ao lore do personagem, eu planejo estudar um pouco mais sobre a Bandle City e sobre Piltover, eu quero adicionar mais background falando sobre as reprovações dele na faculdade de Piltover, talvez botar algum tipo de história de rivalidade com um campeão Yordle, então eu quero ler mais sobre os lores de campeões como Rumble, Heimerdinger e Ziggs, mas eu acho que ele pode ser bem interessante como personagem já pela forma como ele vai interagir com os campeões que ele tanto admira, e mostrar também em outras falas o orgulho que ele tem desse novo poder de copiar os outros que ele conseguiu. No final eu acho que em relação ao lore o quê falta adicionar é um prólogo e um epilogo, a aventura principal pode ser polida mas o core concept esta bem firme, quando a personalidade e a história do personagem estiverem prontas eu vou começar a fazer os desenhos das skills, do personagem e de uma skin para ele, se tiver um feedback legal da comunidade eu posso até fazer um modelo 3D dele mais pra frente.
Eu recomendo que você faça alguns desenhos dos personagens desde já. Isso vai atrair a atenção da comunidade (todos adoram yordles) e dar uma visão mais clara do personagem. De qualquer forma, eu estarei aguardando suas atualizações e compartilhando minha humilde opinião sobre esse carinha, que nunca vi, mas já adoro.
Martyris (BR)
: Obrigado! O E dele tem como objetivo ser uma habilidade de utility para equipe, mas com as mudanças do ataque básico, ela também pode ser usada para ganhar uma vantagem em trocas rápidas na lane, impedir que o oponente use uma habilidade pode ser muito util quando o time estiver se preparando para uma luta em equipe ou quando você esta na lane tentando trocar dano.
Você parece bem determinado nesse campeão. Isso é muito bom, muitos desistem antes mesmo de criar algo concreto, que possa mesmo ser transportado para o jogo como um campeão. Quanto a lore, ela precisa de melhorias para se "adequar" aos padrões Riot, mas é um conceito legal. Você devia explorar mais essa ideia de um yordle fraco em busca de poder, dando um personalidade mais marcante. Vi que você vai adicionar as interações dele, isso é muito importante para construir um personagem, então capricha bem nas falas. Eu provavelmente ficarei comentando todas as alterações que você fizer nele, então se prepare.
Martyris (BR)
: Cara eu entendo o que você quer dizer, mas eu gostaria de trabalhar nessa ideia da passiva das duas vestimentas, eu acho que combina muito com esse personagem, eu tentei dar uma modificada pra fazer essa passiva funcionar melhor com o kit, q q vc acha? . . Habilidade Passiva: Possessão Morphy entra na partida como uma pequena bola de energia negra, logo na entrada estarão duas opções de vestuário (Elas estarão no mesmo lugar onde ficam os foguetes do Corki), a “Armadura do Cavaleiro Errante” e a “Vestimenta do Mestre Arcano”, a opção escolhida vai definir a passiva de Morphy, Morphy pode trocar de vestimenta a qualquer momento ao longo da partida. . Armadura do Cavaleiro Errante – Usando a armadura do cavaleiro o ataque básico de Morphy se torna corpo a corpo, seus ataques básicos também passam a causar dano mágico extra, e as habilidades “Espada de Matéria Negra” e “Investida de Matéria Negra” são buffadas. . Vestimenta do Mestre Arcano – Usando a vestimenta de mago o ataque básico de Morphy se torna um ataque a distância, se Morphy ficar 3 segundos sem atacar, seu próximo ataque será buffado, e as habilidades “Disparo de Matéria Negra”, “Escudo de Matéria Negra” e “Maldição de Matéria Negra” são buffadas
Agora está bem melhor. A passiva original que você colocou não parecia fazer muita diferença(apenas mudar o escalamento das habilidades não afeta muita coisa), mas, como agora buffam algumas das habilidades, parece ser mais impactante, e as mudanças no ataque básico vão dar a ele as ferramentas que ele precisava (ele não vai depender _tanto_ de copiar habilidades) Só mais uma coisa: O "E" dele parece ser uma habilidade de suporte ou de mago de utilidade, esse era o objetivo mesmo? Ficarei de olho nesse personagem, você esta fazendo um bom trabalho com ele.
MealMeow (BR)
: August o Engenheiro Místico
Esse foi um dos melhores conceitos que já vi (um bem especifico também) Na lore você citou o "League of Legends" que não existe mais no novo rumo que Riot tomou com as lores, então isso precisa ser corrigido. Fora isso, a historia é bem interessante, e, mesmo sendo curta, mostra bem a identidade do campeão e seus objetivos. Eu acho que, como ele já esteve na Ilha das Sombras (e voltou para contar a historia) ele devia parecer um pouco mais "sombrio", até mesmo triste, pois a Ilha é sempre citada como um lugar "tomado pela morte" e que "corrompe e mata tudo que toca". Gostei mesmo da sua ideia e espero que você continua a trabalhar nela, pois há muito potencial nele, tanto no kit quanto na lore.
Martyris (BR)
: [Sugestão de campeão] Morphy, o Yordle Imitador [(Novo Kit e Novo Lore)]
O conceito é legal, mas tem alguns problemas: Como todas as habilidades giram em torno da capacidade dele de copiar habilidades de outros, não faz diferença se ele é AP ou AD. Seria melhor deixar como AP mesmo, pois ele parece ser algum tipo de mago com esse kit, e os item de AP oferecem mais utilidade que ele VAI precisar, já que depende das habilidades de outros campeões para usar seu Q. A historia é interessante (um pouco engraçada também), mas eu percebi que você citou a "liga", que não existe mais nas novas Lores, então isso precisa ser corrigido. Ele também parece não ter como sequer se defender sem copiar outras habilidades, então eu acho que mudar a passiva para algo que o ajude a sobreviver vai ajudar, ou até mesmo permitir que ele comece o jogo com o W e o Q já disponíveis. O resto é bem legal, toda esse ideia de "imitar" outros campeões é algo que não existe ainda no League, então eu acho que você devia continuar trabalhando mais o campeão, dando a ele uma identidade mais marcante, uma personalidade forte e evidente.
Martyris (BR)
: [Sugestão de campeão] Morphy, O Yordle Imitador / [Champion Concept] Morphy, The Copycat Yordle
O conceito é legal, e tem um grande potencial, mas tem um problema sério. A ideia de um campeão mimico ou imitador é legal, mas imagina ter que atualizar o mesmo campeão toda vez que mudarem, o minimo que seja, os outros? Por esse motivo não tivemos um só campeão capaz de copiar habilidades até hoje. Em vez de um mimico literal tente algo diferente, como roubar status, AP, AD, coisas assim. A passiva dele é um conceito legal, mas com todas as habilidades sendo de mimica, nem parece fazer diferença. Deixe com só uma habilidade de mimica, e, em vez de roubar a habilidade por completo, tente algo como roubar só o formato da habilidade (disparo de precisão, alvo único, área de efeito) ou o efeito da habilidade (lentidão, atordoamento, ou seja lá o que ela fizer). Trabalhe mais a historia (eu realmente acredito que você consiga criar algo bem legal) e mude um pouco o kit, e você vai ter um campeão novinho em folha.

Nuadha

Nível 30 (BR)
Total de votos positivos
Criar uma discussão