O FIM DO SERVIDOR EUROPEU (LEIA, ISSO É DE EXTREMA IMPORTÂNCIA)

_Editado - PARTE 2 (Se você já leu a parte 1, vá até o final e leia. Agora vou mostrar o outro lado. Partes importantes nessa história que não incluí, e que são importante para aqueles que não estão informados sobre o assunto. Foquei o problema apenas na Europa, e isso têm causado um desentendimento da mensagem que estou tentando passar). _ **Parte 1** Olá jovens invocadores! Tudo bem com vcs? Espero que sim, pq comigo não está. Pelo contrário, estou extremamente triste com certas coisas que estão acontecendo no mundo e principalmente por ter me deparado com a realidade daquilo que está para acontecer nos próximos anos. Se você é um jogador ativo de LOL, prática por várias horas por semana e batalha para subir de elo, aprender a melhorar suas mecânicas, estratégias de jogo e masterização de campeões. Bem, se vc é esse tipo de jogar então é provável que vc não faz idéia de que o Servidor Europeu está ameaçado de deixar de existir? _EOQ xupingole? Rexpeita a Riot!_ Se vc se identificou com essa última frase, então sua situação é pior ainda, pq vc passou horas e horas assistindo a streams e ficou mais cego que o Lee sin enquanto cometiam um crime monstruoso que coloca em risco nossa liberdade e democracia. _Que crime é esse, tio?_ O GENOCÍDIO DO POVO EUROPEU!!! Nas últimas décadas, nações da Europa promoveram o multiculturalismo. A idéia era muito bonita. Abraçar a cultura de todos imigrantes, fazê-los se sentir em casa e parte da sociedade local. Numa bela sociedade moderna do mundo globalizado. Na teoria parece bonito, na prática, nem tanto. Com o passar do tempo, países como a Suécia (um dos primeiros a se tornarem um país multicultural), começaram a ver os efeitos colaterais de tal conceito. Os números de crimes violentos dispararam absurdamente no país, e fez com que a Suécia (país onde a Pain treinou antes do mundial) ganhasse o título de CAPITAL DO ESTUPRO no Ocidente. O número de estupros da Suécia só perdem para Lesoto, na África. _WTF??? Como assim, tio? Eu aprendi na escola que Suécia fazia parte dos países sem violência, com alto índice de desenvolvimento humano. O que fez os Loirinhos saíssem estuprando desse jeito?_ Bem, jovem. Não são os loirinhos que saíram correndo atrás das loirinhas. Os suecos são responsáveis apenas por 10% dos esturpos. Os outros 90% deles são de imigrantes que cresceram rapidamente no país através das facilidades que o governo Sueco passou a oferecer após se declarar um país multicultural. E não são qualquer tipo de imigrante, são um tipo de imigrante bem específico. São imigrantes de maioria islâmica. _Oloco Tio, isso é islamofobia._ Não, jovem. Isso são fatos. Veja bem, não existe direitos iguais para as mulheres dentro dos países islâmicos. Crimes como estupro não são considerados graves como acontece no Ocidente. Quando uma mulher mulçumana é estuprada, ela pode ser presade e condenada a morte por ter tido estuprada. Sim, exatamente o que vc leu. Mulheres são mortas por terem cometido o "crime" de terem sido estupradas. E isso não vale só pras mulheres, vale tbm pras crianças. De acordo com Maomé: se elas forem estupradas, elas só podem acusar o estuprador se elas tiveram 4 testemunhas (masculinas). Caso contrário, elas vão ser, presas, açoitadas (por serem caluniadoras) e se forem casadas elas são apedrejadas (por adultério)! Leia esse texto para entender de que forma os mulçumanos justificam a morte de uma mulher pelo "crime" de ter sido estuprada: http://infielatento.blogspot.com.br/2013/04/por-que-no-islamismo-uma-mulher-e.html _Caramba tio, mas essa lei não aplica pras mulheres da Europa. Afinal, elas não são islâmicas_ Pois é, jovem. Mas agora que você entendeu que estuprar pra eles não é grande coisa. Vou explicar pra vc de que forma eles justificam o estupro nas mulheres da Europa. Através da história de Maomé, os Islâmicos justificam muitos de suas ações, inclusive o estupro: http://infielatento.blogspot.com.br/2011/07/estupro-e-escravidao-sexual.html E Maomé teve um particular interesse por uma Loira: https://tiaocazeiro.wordpress.com/2015/08/03/4938/ E existe esse conssentimento dentro do Islã que não existe grandes problemas em estuprar mulheres não-islâmica. E a justificativa que os estupradores islâmicos dão é a mais absurda possível "Ela não estava coberta, estava pedindo para ser estuprada". De fato, os mulçumanos gostam de seguir os passos de seu profeta. Por isso eles tentam imitá-lo desde a aparência, até nas atrocidades. E como Maomé teve um interesse particular por uma Loira "promíscua", os imigrantes estupradores dão preferência às brancas e loiras. E o que não falta na Suécia, são brancas e loiras. Para entender melhor sobre o problema do estupro dentro da Suécia: http://pt.gatestoneinstitute.org/5336/suecia-estupros _Caramba, tio. Que tenso. Mas isso aí é só na Suécia, né?_ Não, jovem. Isso tem acontecido por toda Europa, principalmente em países como Suécia, Noruega, Grã-Bretanha, Alemanha, França, Bélgica, Dinamarca. É uma epidemia de estupro que se espalhou pela Europa. E mantenha em mente, 90% dos casos de estupros são de imigrantes e a maioria são islâmicos. Em países como a Noruega esse número chega a subir em 100%. O problema é tão grave que atinge as escolas. Garotas são ameaçadas por colegas mulçumanos. Coisas como "Me faz um boquete ou te estupro", são o tipo de provocação que elas ouvem. Ah, sim, já ima me esquecendo. Esses estupros geralmente são coletivos. _Eta cussaum!!! Mas pq ninguém faz nada contra isso?_ E aí que o problema fica mais grave. Os governos da Europa tem colocado panos quentes no problema, para manterem a posição de politicamente correto. Caso contrário, seria muito preconceituoso, racista, xenofóbico e islãmofóbico revelar as identidades dos estupradores. E isso tem acontecido a mais de uma década. Agora que você já foi introduzido à epidemia de estupro na Europa. Vamos entender como nossa liberdade e democracia corre o risco de acabar (e isso incluí o servidor de LOL dos nossos amigos europeus). Primeiramente assita esse vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=4cb9xlSNnUk Agora você sabe que a população Européia não está mantendo a taxa de fertilidade necessária para manter sua cultura. Seu povo está velho. Enquanto isso, os imigrantes islâmicos crescem em uma velocidade assutadora suficiente para em poucas décadas transformarem a Europa toda em nações Islâmicas. _Mas tio, não dá pra todo mundo viver de boa?_ Bem, os mulçumanos não são como nós. Quando um brasileiro mora fora do Brasil (como eu já fiz), ele procura aprender a língua e cultura local, procura se enturmar e se misturar com o povo local respeitando a constituição local. E aí do brasileiro se ele não obedecer. Brasileiro é tratado que nem lixo pelos governos, afinal somos Hue Hue Hue BR BR. Já os islâmicos são um tipo diferente de imigrante. Eles vivem em comunidades/bairros islâmicos, se misturam menos que outros imigrantes, fazem casamentos entre eles (alguns até consideram namorar uma européia nativa, mas casamento só com alguma mulçumana), não se esforçam para aprender a língua e cultura local e, vivendo em bairros dominados por islâmicos, ignoram a constituição local. Tudo isso por pertencerem a uma religião que não possue separação de religião e estado. Na verdade, em muitos desses bairros islâmicos, eles seguem as próprias leis do islã (lei Sharia). Na verdade, Europeus nativos nem sequer podem entrar nesses bairros, tão pouco a polícia. Isso faz vc lembrar de algo, jovem? _Sim, as favelas!_ Exatamente! E lá tbm rola tráfico de drogas, mesmo que o islã condene drogas e bebidas. Agora vc sabe que os islâmicos estão crescendo aos milhões na Europa, numa velocidade assustadora e sem se misturarem com os europeus nativos. _Tio, uma dúvida! As cidades da Europa são caras. Como é que esses imigrantes e descendentes de imigrantes podem ter tantos filhos e continuar se sustentando nesses lugares?_ Ah! Boa pergunta. Como vc já viu, o povo Europeu não está tendo filhos suficientes para manter a cultura e economia (se bem q a parte da economia é uma mentira, poderiam continuar mesmo com a europa envelhecendo). Então os governos precisam da mão de obra de imigrantes, e para isso o governo ajuda a sustentá-los, e faz isso com o dinheiro do imposto pago pelos Europeus Nativos. _Ai caraca!!! Que sacana que eles são tio, são tão corruptos quanto nossos políticos!_ Não, meu jovem. São muito piores. Lula e Dilma quebraram economicamente e moralmente o país, mas não tiveram sucesso em assassinar o povo brasileiro. Nós estamos vivos, e elegendo um presidente correto, podemos nos reerguer. _Mas o que vai acontecer na Europa, então? Vai virar islâmica e o europeu nativo vai ficar pra história?_ Na visão perfeita dos islâmicos sim. A Europa se tornará um conjunto de nações islâmicas, regido sobre a Lei Sharia. Onde apenas o Islamismo terá lugar. Cristãos, Judeus, Ateus, Homossexuais vão ser perseguidos como em todo país islâmico. E os Europeus vão ser chutados para os surbúbios. Mas numa visão mais extremista, os europeus vão servir como mão de obra escrava, e as mulheres européias vão servir como escravas sexuais. E isso já aconteceu quando mais de 1 milhão de de brancos foram escravizados e mandados para o norte da África na época das cruzadas. (Clique no link para ver as imagens representativas desta época: https://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&site=imghp&tbm=isch&source=hp&biw=1600&bih=828&q=white+slave+muslim&oq=white+slave+muslim&gs_l=img.3...812.3041.0.3167.18.11.0.3.0.0.221.1330.0j7j1.8.0....0...1ac.1.64.img..11.7.1157.wroO4SwRLaM). E, provavelmente, assim como as imagens mostram, eles obrigariam as mulheres andarem brancas andarem peladas na rua. Afinal, elas sempre andaram descobertas, pq não andarem logo peladas, não é mesmo? Agora, o que realmente acontecerá: CONFLITO E POSSÍVEL GUERRA CIVIL EM VÁRIOS PAÍSES DA EUROPA! Por anos os governos da Europa têm permitido o crescimento do islamismo em seus países. Tem ajudado financeiramente, permitindo que eles possam ter mais filhos e acelerando o crescimento da população islâmica, construíndo mesquitas para que líderes religiosos possam perpetuar constantemente o ódio contra os Europeus e EUA, tem incentivado a imigração, tem protegido a origem religiosa da maioria dos envolvidos em crimes, e mais recentemente aceitaram uma imigração em massa de "refugiados", onde apenas 53% são refugiados da Síria (país que está em Guerra Civil, e país onde o Estado Islâmico está estabelecido), e os outros 47% são imigrantes de outros países do Oriente Médio e África aproveitando do momento para entrar na Europa de forma fácil e obter a vantagem que os governos Europeus oferecem. Mas mais grave do que isso, é que de todos esses "refugiados", 72% deles são homens (e a maioria com idade militar, fortes e saudáveis), 15% são crianças e apenas 13% são mulheres. E os governos permitiram que tudo isso acontecesse. E o Islamismo cresceu, e cresceu tbm com a ajuda de algo chamado POLITICAMENTE CORRETO. Para cada político, ou especialista que avisou o que aconteceria e que se mostrou contra a falta de restrições do islamismo, sempre houveram políticos e grupos em maior número para calá-los. Chamá-los de intolerantes, preconceituosos, racistas, xenofóbicos, islamofóbicos e nazistas. Para cada pessoa que disse a verdade, houveram 10 para calá-lo. E isso é algo que vcs já devem ter percebido no facebook. Sempre que alguém fala de algum assunto delicado, sempre chove críticas rotulando a pessoa de todas "fobias" possíveis "Não concordo com as cotas para negres - RACISTA!", "Acho sexo de homem com homem errado - HOMOFÓBICO!", "Não acho que todo homem seja um estuprador - MACHISTA". Atualmente, em nossa sociedade ocidental é errado ser homem, branco, hétero, cristão. Pq automaticamente vc será considerado: machista, racista, homofóbico e estúpido. Nos dias de hoje, vc tem o direito DE NÃO TER OPINIÃO! E falar mal de homens, brancos, héteros e cristãos é até uma forma de vc ser bem visto dentro da sociedade ou entre amigos. Não é mesmo escravocetas? Chegamos ao cúmulo onde as pessoas prefiramm defender homossexuais que enfiaram um crucifixo no rabo e encenam a crucifixação de Jesus como provocação, do que concordar com os Cristãos que acharam tal atitude desrespeitosa. O politicamente correto tem sido uma grande arma para esconder a verdade. E as pessoas começaram a se dar conta disso. Movimentos Feministas, Gayzitas e afins já não são aceitos por muitas pessoas. AS pessoas estão se dando conta que por trás do politicamente correto existe uma canalhisse sem fim. Nós sabemos o que é racismo, homofobia e machismo, e não precisamos de nenhum movimento financiado por partidos políticos para nos ensinar como nos comportar, muito menos criar leis específicas para privilegiar grupos específicos. E isso tem acontecido por todo o Ocidente. Coincidência? Concerteza não. O problema é que ainda existem muitos que estão vivendo a utopia do politicamente correto no mundinho perfeito do multiculturalismo. No dia 13 de Novembro de 2015, a Europa tomou um tapa na cara. Um ataque terrorista coordenado em Paris matando 129 pessoas e deixando outras centenas de feridos. Alguns acordaram, outros parecem continuar desinformados, ou apenas estão fazendo força pra serem burros. No dia do ataque, tivemos uma prova de quem junto com a imigração em massa, houve a importaçao do Terrorismo. Como se os problemas da Europa já não fossem suficientes. _Tá tio, agora eu to preocupado. Quando é que esse conflito vai estourar?_ A tolerância do Europeu tem sido muito grande. E eu não os culpo, a segunda guerra mundial fez eles se esforçarem para serem o mais tolerante possível. Afinal, ninguém na Europa quer ser rotulado de Nazista. O conflito começa quando a tolerância do Europeu acabar, quando houver um conssetimento de que o governo não tem ajudado seu próprio povo, e de que o governo é o próprio inimigo. A partir, se sentido traído, o Europeu agirá por conta própria para salvar a liberdade, identidade e democracia de seus próprios países. Cidadãos Alemãos, Franceses, Poloneses, Ingleses e etc. todos unidos para combater Islâmicos. _É isso aí Europa, desce a %%%%% nos Islâmicos_ NÃO JOVEM!!! é aqui que a tristeza, que a violência e que o banho de sangue toma conta. Onde ambos os lados perdem vidas inocentes, e onde incontáveis atrocidades são cometidas por ambos. E tudo isso poderia ser evitado se os governos fossem honestos. Se fossem honestos não teriam importado o terrorismo pra dentro do próprio território, não teriam aberto as fronteiras e aceitado "refugiados" de qualquer maneira sem qualquer controle. Não teriam ajudado e permitido o crescimento desenfreado do islamismo, muito menos construídos incontáveis mesquitas para que líderes religiosos mantivessem acesa a chama do ódio ao ocidente e a necessidade de conquistar a Europa, e depois os EUA. O japão fez seu dever de casa, se reuniram, sentaram e estudaram o islamismo. Chegaram a conclusão que havia muita coisa em risco em deixar o islamismo livre para crescer no país, e fizeram uma série de proibições para que houvesse quase nenhuma chance do islamismo espalhar pelo país. Tudo isso podia ser evitado, mas a realidade é que tudo isso foi planejado. É necessário haver um conflito, é necessário haver uma guerra. _Tá loco tio, necessário?_ Não para nós, mas para uma minoria. Para um Elite Globalista. Elite que vêm tentando por isso em prática há muito tempo. Elite de banqueiros, políticos e sauditas (EUA e Arábia Saudita são forte aliados). Juntos eles possuem dinheiro e poder para mover o mundo, causar crises, guerras e influência sobre a decisão de vários países. Nem tudo que eles planejam funciona, muita coisa atrasa e até falham. Mas eles tem tempo, dinheiro e poder para manipular a política no mundo na direção que eles desejam. Afinal, eles não são como um governo democrático q precisa de uma eleição a cada 4 anos. Guerras como a da Síria e a Primavera Árabe, são exemplos de influências deste grupo. Não era só o petróleo que era importante no Oriente Médio, as pessoas migrarem para Europa era algo necessário, e eles CONSEGUIRAM!!! Se por um lado a Europa poderá sofrer um conflito muito grande entre Europeus e Mulçumanos colocando em risco o futuro da liberdade e democracia do Ocidente (lembre-se, depois da Europa vem EUA e o resto das Américas), no Oriente Médio as coisas podem ir de mal a muito pior. EUA já afirmou que irão colocar tropas na Síria. Eles querem derrubar o regime do presidente Bashar Al-assad (Que possue o apoio da Rússia), que tem resistido ao ataque do Estado Islâmico. Um governo com bom senso, primeiramente apoiaria o atual presidente, lutaria contra o Estado Islâmico e depois decidiria o que fazer. Mas não, os EUA pretende destruir ainda mais a Síria. E depois da Síria, EUA e Arábia não pararão até chegarem ao Irã. E chegando no Irã (que possue o apoio da Rússia), nós podemos ter briga de cachorro grande. Estados Unidos de um lado, Rússia de outro e uma possível nova guerra mundial. Documentário e Vídeo que você não pode deixar de ver: Documentário de 3horas dividido em 4 partes mostrando de perto os problemas do islamismo na Europa. O documentário deve ter sido produzido antes de 2010. O interessante que ele foi feito por um árabe não-islamico (talvez cristão) para conscientizar as pessoas dos perigos de deixar o islamismo crescer desenfreadamente. https://www.youtube.com/watch?v=ky3ZresFd2k Abaixo um vídeo de compilados com notícias e vídeos recentes da situação na Europa na crise da Imigração https://www.youtube.com/watch?v=44vzMNG2fZc **Considerações Finais.** - Não tenho intenções de criar um movimento anti-islâmico dentro da comunidade. Esse post é para conscientizar as pessoas do que está acontecendo e o que está para acontecer nos próximos anos. E isso é de interesse de nós todos que vivemos no Ocidente. - Após ter lido com atenção esse texto, não deixe o ódio tomar conta de você. Quem colocou dois povos extremamentes diferentes contra a parede, foram governos criminosos. Então lembre-se, enquanto não haver um conflito estabelecido, os inimigos são os governos e precisamos fazer o possível pra reverter esse quadro. - Eu sei que existem bons mulçumanos, porém não é uma questão de ser bom ou mal. É uma questão que é um conflito quase que inevitável e só irá mudar se mudanças radicais forem feitas nos governos. De qualquer forma, mulçumanos que querem viver em paz com europeus e que desejam viver sobre as leis dos países, não possuem voz ativa em lugar algum. E com imigração em massa, agora terão menos chance ainda. Provavelmente qualquer mulçumano que se diga concordar com os Europeus, será ameaçado pelos mulçumanos que não querem paz. (Existiam alemães contra o nazismo na época do Hitler, nem por isso o Nazismo foi impedido). - Eu sei que islâmicos não são todos iguais, que há várias facções e que há conflito entre elas. O problema é, que independente da facção, quando em grande número dentro de um país, todas elas se tornam um perigo para uma nação. Jihad é a forma mais violenta do islamismo, e é o islamismo praticado pelo Estado Islâmico e esse tipo de islamismo tem que ser banido assim como aconteceu com o Nazismo. - No Dia 13 de Novembro de 2015 eu senti tristeza, raiva, medo, mas uma coisa que eu não senti foi SURPRESA! Ao contrário de muitos parisienses que não acreditavam no que estava acontecendo, quando o problema estava logo ao lado deles. - Espero que esse tópico não seja deletado. Mais uma vez, não estou aqui para propagar o ódio ou violência, mas sim para conscientizar as pessoas do que está acontecendo e o que está para acontecer. E eu acredito que, por mais que a verdade seja dura, todos tem o direito de saber. - A partir de agora, procure manter-se informados sobre o que está acontecendo na Europa e Oriente Médio. - Compartilhe esse texto com seus amigos, mesmo aqueles que não jogam. Eles precisam saber o que a mídia brasileira não mostra. Paz e Boa Sorte!!! _Editado_ **Parte2** Se podemos apontar um período marcante onde tudo isso começou a vir abaixo, essa data é o 11 de Setembro. No Dia 11 de Setembro, AL-AQAEDA assumiu o maior atentando terrorista da história, feita em solo americano. Aviões foram sequestrados e jogados em pontos estratégicos matando cerca de 3000 pessoas. Enquanto os EUA era atacado, o presidente Bush lia um livro para criancinhas numa escola. Mesmo após ser informado por um membro de sua equipe, Bush continuou ali, parado, fingindo que nada estava acontecendo. De forma impressionante os sistemas de segurança dos EUA falharam de forma miserável. Mesmo após o primeiro avião atingir a primeira torre do World Trade Center, nenhuma ação foi feita para abatir os demais aviões que estavam se comunicação, sequestrados e voando em direções a outros locais para atacar. http://i1.r7.com/data/files/2C95/948F/2FA8/B351/012F/AF3B/A12C/16D2/bush_WinMcNameeReuters2001_450.jpg Foi como se os EUA abrissem os braços e dissessem: "Só vem, vem que é bait". Após os ataques, a população dos EUA se mobilizou e Bush, que até então estava com pouco apoio popular, passou a ser o "salvador" da vez. Declarou guerra contra o Terror e Osama Bin Landen. Invadiram o Afeganistão com o "desejo de vingança", e de repente, em 2003 Bush tbm resolveu atacar o Iraque. Bush precisava derrubar Saddam Hussein, um ditador impiedoso que impedia seu povo de viver numa feliz democrácia. Enquanto os americanos continuavam enfurecidos pelo ataque, a imprensa bombardeavam notícias passando a imagem de que Saddam Hussein era um demônio, e precisava ser derrubado. E como justificativa principal, Bush disse que Saddam Hussein possuia armas de destruição em massa. _Mas e aí tio, ele era um demônio mesmo?_ Saddam Hussein não era nenhum santo, ele violava os direitos humanos, fazia execuções em públicos, mas no geral, ele mantinha uma ordem no país de diferentes facções islâmicas (xiitas e sunitas) dentro do Iraque. Em pouco tempo o exército dos EUA conseguiu chegar a Bagdá e derrubar o regime do ditador Saddam Hussein. No final de 2003, Saddam Hussein foi finalmente capturado escondido em um buraco. Com o passar do tempo, as pessoas começaram a se perguntar "E as armas de destruição em massa?". Bom, essas armas de destruição em massa nunca foram encontradas. _Mas tio, qual o problema de tirar o Saddam do poder?_ Ele era o que mantinha a ordem no país entre essas facções islâmicas. Uma vez que Saddam Hussein tenha caído, começou haver conflitos. Grupos que não concordavam com EUA se intrometendo nas políticas do país. E eles resistiram e lutar contra os exércitos americanos e dos aliados, ao mesmo tempo que lutavam entre eles. Com o passar do tempo, a guerra do Iraque e a guerra contra o Terror começou a se mostrar sem fim. Nesse meio tempo, estourou uma crise imobiliária nos EUA. _E o Osama?_ Ah, o Osama continuava desaparecido escondido em possíveis cavernas no Afeganistão, Paquistão a meio de notícias não oficiais de que ele já havia sido morto e de que ele havia sido visto aqui ou ali. Em 2008, com o fim da era Bush, criou-se uma expectativa de que o próximo presidente removeria as tropas americanas do Iraque. _E quem foi eleito?_ Ah, provavelmente vc tem idade suficiente para se lembrar. O novo salvador dos EUA, BARACK OBAMA!!! http://s2.glbimg.com/uKE6g_nUuW5UXqzFq4FFLkztpKk=/300x225/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2014/10/17/obama-teste.jpg _EHHH OBAMA!!!! OBAMA!!!! OBAMA!!!_ É, Obama tinha carisma, tinha o apoio, tinha a personalidade necessária para o momento, e ainda contava com o adicional de fazer história sendo o primeiro presidente negro nos EUA. Quando ele foi eleito foi uma festa no mundo inteiro, todos acharam q finalmente tudo ia ser resolvido, ele ia tirar as tropas do Iraque e salvar a economia americana. _E deu tudo certo?_ Em 2009 a crise financeira dos EUA deu uma melhorada, mas durante os próximos anos os EUA ainda lutava para se estabilizar e Obama lutava para manter o apoio popular. _E o que ele fez para ganhar apoio_ Em 2011 foi um ano muito importante para Obama. https://www.youtube.com/watch?v=nkJzEdzGQL8 No mesmo ano, ele anunciou a retirada das tropas do Iraque. _Aí sim hein tio, chega de Ocidente se intrometendo no Oriente Médio_ Sim, nunca deveriam ter entrado lá. De fato, toda vez que o Ocidente invadiu um país para "derrubar um regime ditatorial malvado" sempre acabou com grandes problemas. Mas antes de 2011, aconteceu algo muito importante. Em 2010 teve o início a Primavera Árabe. _Primavera Árabe? Parece bacana..._ Manifestações pelo oriente médio e no norte da áfrica, causando revoluções em alguns países como Túnisia, Líbia, Síria, Egito, Iêmem, entre outros, com o objetivo de derrubar ditadores e por melhores condições de vida. E tudo isso foi poissível graças a internet!!! Manifestações inteiras organizadas em rede sociais, uma verdadeira vitória para o século XXI!!! Documentário sobre a Primavera Árabe: https://www.youtube.com/watch?v=rUg6qIwKepA _Aí %%%%%, Rexpeita a internet!!!_ Sim, mas como nem tudo são flores. O presidente da Síria, Bashar Al-Assad, mostrou resistência contra os manifestantes, e deu início a uma guerra civil. Grupos rebeldes se formaram para tomar o poder. E países do Ocidente, como os EUA, interfirindo novamente na política do Oriente Médio, ajudaram a armar os rebeldes. Como se os rebeldes armados fossem remover o governo local e estabelecer uma bela democrácia. Com a remoção das tropas americanas do Oriente Médio, um grupo começou a ganhar bastante força. O Estado Islâmico, inicialmente denominado com o nome Estado Islâmico do Iraque, hoje conhecido apenas como Estado Islâmico, ou ISIS. https://www.youtube.com/watch?v=-4gUzgmAuPM Com o tempo o Estado Islâmico ganhou território, se tornou auto-dependente com o controle de poços de petróleos e outras fontes de renda conquistadas na guerra. Isso sem falar das denúncias de envolvimentos de diversos governos como os EUA, financiando o Estado Islâmico. Como vc pode imaginar não foi uma decisão muito esperta tirar as tropas americanas do Oriente Médio. Deram todo tempo do mundo para que um monstro fosse criado. _Mas e os civis?_ Bem, se uma região for conquistado por algum grupo rebelde ou terrorista, é melhor que se encaixem no perfil desses grupos, ou os civis correm sério riscos de vida. Durante todo esse tempo de Guerra Civil na Síria mais de 240mil pessoas já morreram. Então é obvio que muita gente começa a fugir das áreas de confroto, e a fugir do próprio país. _Poxa vida, mas então tudo aquilo que vc escreveu q a imigração em massa só vai causar mais problemas na Euroa é bobagem. Os Europeus e Americanos tem obrigação moral de recebê-los._ Não, não é. A imigração em massa ocorrendo na Europa, não solucionará o problema dessas pessoas. Junto com a imigração em massa vem os conflitos entre facções islâmicas e países, conflito entre diferentes religiões, e a infiltração de membros de rede terroristas. E eles vão direto para os territórios de governos que estiverem envolvidos diretamente ou indiretamente na criação e alimentação dessas guerras. Junto com eles, vem a raiva, o senso de justiça. Isso sem falar das diferenças culturais, linguisticas e religiosas. Tudo isso torna-se num grande barril explosivo pronto para estourar em território Europeu. A imigração em massa de refugiados é muito bonito quando visto pelos portais de notícias, mostrando mulheres e crianças comemorando ao chegar em território Europeu. Mas quais as chances deles se adaptarem aos países europeus, de conseguirem sucesso profissional e de se estabeleceremdentro financeiramente desses países? É um choque massivo de diferenças em um pequeno espaços. E mantenha em mente, que apesar as diferenças entre eles, eles possuem algo em comum: raiva do Ocidente e das coisas que são feitas no Oriente médio pelos governos. É, não me parece um bom plano abrir as fronteiras desta forma. _Oloco tio, então qual a solução? Ser Nazista e chutar eles pra fora?_ Não, jovem. Existem soluções racionais, da qual os governos parecem fazer força em não utilizarem. Você não precisa receber esses imigrantes em território Europeu. Você pode realocá-los em regiões de seus próprios países ou de países próximos, que estejam fora dos conflitos. É muito mais simples, mais barato, e o impacto culturam é menor. Vou dar um exemplo: Se o nosso Brasil estivesse em guerra civil, e os conflitos estivessem principalmente concentrados em São Paulo e Rio de Janeiro. O que seria mais sensato, mandar os refugiados do conflito pra países da Europa e EUA, ou mandar para outros estados e regiões do nosso país que estivessem fora do conflito e para países vizinhos do nosso continente? É algo óbvio e que os governos não tem feito. E tem usados como desculpa a obrigação moral e a posição de politicamente correto. E as pessoas ainda caem nessa armadilha. _ OK tio, mas e Nazismo, vai voltar na Europa?_ Não podemos descartar essa possibilidade. Nós já tivemos manifestações esse ano e ano passado mostrando grande raiva por parte de europeus diante da crise imigratória. https://www.youtube.com/watch?v=NRZiTreKcCk Portanto é importante perceber que junto com o monstro do extremismo islâmico, podemos ter um ressurgimento monstro do nazismo. E sinceramente, usar um montro pra lutar com outro tbm não parece um bom plano. É como naquele novo filme do Jurassic World, onde eles soltam o Tiranossauro Rex para combater o outro Tiranossauro Rex geneticamente modificado. O Tiranossauro Rex geneticamente modificado foi abatido, mas o Tiranossauro Rex continuou vivo e ainda subiu no alto e se declarou o macho alfa da região. **Considerações Finais:** -Há muita coisa em jogo, e há muito a ser feito. -Como disse nas minhas considerações finais da 1ª parte. Não se pode deixar tomar pelo ódio. -A Europa está numa boca de sinuca muito grande, e por mais racionais que os europeus tentam ser para encontrar uma solução do problemas, uma hora ou outra eles vão ser colocados contra a parede e vão ter apenas duas opções: ou lutar, ou virar história. -Enquanto isso não acontece, esse problema precisa ser resolvido de forma racional. Ainda temos tempo para resolver isso, mas mudanças precisam ser feitas. O tempo está passando, o copo está enchendo e a qualquer momento pode cair a gota d' água que vai fazer transbordar do copo. Paz e Boa Sorte! _OPA, pera aí, e o título do tópico! Vc ainda não respondeu!_ Ah sim, verdade. Bom, se a Europa se tornar nações islâmicas, principalmente se for liderada por Jihadistas, não espere muito que eles aceitem a Riot mantenha seus serviços na Europa com um jogo que tenha personagnes como Miss Fortune, Sona, Katarina, Ahri.
Compartilhar
Reportar como:
Ofensivo Spam Mau comportamento Fórum incorreto
Cancelar