Precisamos falar sobre rage contra mulheres.

"Em março de 2015, a Riot fez uma matéria em seu site afirmando que "apenas 2% de partidas globalmente têm linguagem negativa, incluindo racismo, homofobia ou linguagem sexista". Será mesmo, Riot? Nos próprios comentários da matéria podemos ver uma galera discordando das estatísticas. E não precisa falar do assunto pra ele ser incômodo: nas redes sociais e nos fóruns do jogo podemos ver várias reclamações a respeito disso. Então, se de fato apenas 2% das partidas possuem de alguma forma incitação ao ódio, e se para algumas pessoas é "como se fossem 98% delas", podemos ver que é um comportamento recorrente de determinado nicho de jogadores. E é quando o leitor pensa "ou então essas pessoas merecem mesmo ouvir esses comentários!". Em 12 de agosto de 2015, o time americano Renegades foi classificado para a série A da Challenger Series com a primera mulher a chegar tão longe no campeonato. Com jogadas inscríveis de Thresh, nem a vitória livrou Remilia de comentários misóginos, transfóbicos e homofóbicos em suas streams e redes sociais. A jogadora deletou suas contas em redes sociais e anunciou a saída do time logo após o campeonato. Sábado passado (19) houve um torneio feminino com 20 times inscritos organizado pelo grupo Rexpeita Elas. Isso significa que havia pelo menos 100 mulheres interessadas no torneio (os times poderiam ter até 1 reserva). Os times que foram pras finais tinham apenas platinas e diamantes. E nada disso impediu a chuva de comentários misóginos durante a stream dos jogos, de "CBLouça" até "mulher é o único eletrodoméstico que funciona na base da pancada". Se nem mesmo vencer um campeonato nos livra do preconceito, se o discurso de ódio perpetua e é recorrente, nós precisamos falar sobre isso. Se isso é assim tão reincidente, já era hora da Riot ter conhecimento dos perfis dos jogadores que insistem nesses comportamentos tóxicos. A empresa diz estar trabalhando para melhorar seu sistema de punições. Nós queremos vê-lo funcionar." ~ Mell Repost de um grupo do Facebook - https://www.facebook.com/LoLdasMinas/posts/1686002674982068
Compartilhar
Reportar como:
Ofensivo Spam Mau comportamento Fórum incorreto
Cancelar